LocalPernambucoPetrolinaPolítica

“Miguel não entende nada de cirurgia, trouxe um mutirão de cataratas que deixou problemas”, afirma Julio Lossio, em crítica ao governo Novo Tempo

Por Jean Brito, do Portal Tribunna (redacaotribunadoestado@gmail.com)

Mesmo sem êxito na tentativa de ser Governador de Pernambuco pela Rede Sustentabilidade esse ano, o ex-prefeito de Petrolina, Julio Lossio, reuniu na noite da quinta-feira (27), no Bode do Avelar, Bairro Cohab Massangano, zona oeste de Petrolina (sertão do São Francisco), correligionários, amigos, ex-secretários municipais e imprensa em uma movimentada confraternização de final de ano. Momento em que os políticos tradicionalmente fazem balanços das ações e aproveitam para responder a questões espinhosas dos profissionais da imprensa.

E como não podia ser diferente, Lóssio fora provocado pela reportagem do Portal sobre uma crítica proferida pelo atual prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (PSB) que declarou durante ato público no Bairro Dom Avelar, zona norte, que o ex-prefeito Julio Lóssio, embora intitulado como homem da saúde, havia deixado “além de um rombo na máquina pública, uma fila enorme de cirurgias a serem feitas pela saúde municipal”.

Considerando a realização do mutirão de cirurgias de catarata como importante, desde que seja feito por uma equipe local, Lóssio alfinetou o programa da gestão do Novo Tempo, o Petrolina Cuida, que segundo a prefeitura, ofertou 10 mil consultas oftalmológicas e mais 4 mil cirurgias de catarata para os petrolinenses.

“O prefeito não entende nada de cirurgias, tanto é que ele (Miguel) trouxe um mutirão de cirurgias de catarata em Petrolina que deixou muitos problemas. Acho que todos vocês conhecem alguém que esteja com algum problema relacionado a esses mutirões. Para fazer uma cirurgia é preciso fazer um pré-operatório, minimamente uma glicemia e muitas vezes não foi feito isso!”, enumerou Julio Lóssio que é médico oftalmologista, concluindo que “sempre haverá filas na saúde”.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar