BahiaEducaçãoLocal

Com novos cursos, Fasj em Juazeiro/BA amplia reestruturação acadêmica iniciada há cinco anos

Agronomia, Medicina Veterinária, Psicologia e Odontologia, são as novidades da instituição, ampliando sua oferta de cursos que passará de 9 para 13 a partir de 2019.

Por Cinara Marques – Portal Tribunna

JUAZEIRO/BA – Quatro novos cursos chegarão à Faculdade São Francisco de Juazeiro (Fasj), no norte baiano, uma das nove instituições de ensino superior credenciadas e e integrante do Centro Universitário Montes Belos (Unimb), originário do estado de Goiás, na região Centro Oeste do País. A Unimb este ano para chegar à região Norte com a décima unidade que ficará no Pará, mas a ampliação chegará também ao Amazonas e alcança ainda o Distrito Federal.

As novidades vieram do professor PHD José Eduardo de Miranda, reitor do Unimb e diretor geral da Fasj. Segundo ele, o avanço da ampliação dos cursos da Fasj, consolida de vez a chegada do grupo mantenedor ao Vale do São Francisco que aportou na região há cinco anos. Desde então, fez investimentos considerados, transformando a Fasj entre as principais instituições de ensino superior do Nordeste.

José Eduardo de Miranda frisa que apostar na Fasj foi uma das principais medidas adotadas pela Unimb, sempre buscando ampliar o conhecimento, a valorização profissional, os valores e o crescimento interior dos que optam pelos cursos da instituição com a finalidade de buscar a formação superior.

Reitor José Eduardo de Miranda, diretor geral da Fasj

“O nosso mantenedor, o senhor Wellington, é um homem muito visionário, um empreendedor nato e estabeleceu um plano de viabilidade em determinadas regiões do Brasil. Chegou até ele a possibilidade de adquirir esta unidade que era mantida por outra instituição e ele analisou as possiblidades acadêmicas e econômicas para traçar um plano de desenvolvimento dentro da unidade e entendeu ser pertinente investir em Juazeiro. Desde que assumiu, foram muitas as modificações estruturais, um redimensionamento acadêmico muito considerável e uma lista muita sólida de cursos que atenda as demandas do mercado”, considerou o reitor.

Dentro desse redimensionamento acadêmico, a Fasj será contemplada com quatro novos cursos já para esse ano: Agronomia, Medicina Veterinária, Odontologia e Psicologia, já em fase final de credenciamento. Sobre a chegada do curso de Medicina, o reitor diz que poderá sim existir essa possibilidade, mas que esse é um projeto para mais adiante.

“Existe esse interesse sim. Juazeiro já contará com a formação através da Faculdade Estácio de Sá, mas independente disso, nós temos interesse. Essa é uma aprovação que atende uma perspectiva um pouco mais diferenciada, mais burocrática, mais política, mas temos sim interesse em ofertar o curso de Medicina em nossa instituição”, assinalou o professor José de Miranda.

Para receber as novas graduações, o grupo mantenedor da Fasj tem feito um verdadeira transformação na ampliação de sua estrutura com mais salas e reforço no corpo de formação também.

“Nós estamos com o projeto arquitetônico pronto, já em obras, construindo novas salas. O nosso campus, nos próximos três semestres, será um dos campus universitários mais modernos de toda a região”, revelou o reitor.

 HISTÓRICO

Fasj chegou à região em 2002

Com um histórico de credibilidade na região do Vale do São Francisco, a Fasj conta atualmente com nove cursos, ampliando para treze graduações com a chegada dos quatro novos cursos em 2019. O primeiro curso da instituição foi Administração de Empresas em 2002, desde então, a Fasj só cresceu em credibilidade, compromisso em melhor formar e na ampliação de sua estruturação acadêmica nesse que é um dos principais polos econômicos e educacionais do Brasil.

 Outra procura que cresce a cada ano na Fasj, são os cursos de pós-graduação da instituição e a direção geral vem sempre procurando oferecer formação em áreas diversificadas, reforçando a busca pela ampliação do conhecimento acadêmico e profissional.

“Estamos na reorganização também da nossa cartilha nos nossos cursos de pós-graduação, buscando atender não só as expectativas profissionais, mas também de quantidade diferenciada que aprimorem e facilitem a inserção profissional no mercado”, assinalou o professor José de Miranda.

Entre professores e colaboradores, a Fasj emprega em torno de 150 pessoas, fora o relacionamento com supervisores de estagio, entre outros segmentos.

“Estamos aqui para marcar um novo momento na Fasj, trazendo uma nova perspectiva de relacionamento com a comunidade discente e e a externa. Uma nova atuação não só dentro de Juazeiro, mas também buscando alcançar toda a mesorregião do Vale do São Francisco. A nossa intenção é que nos próximo quatro anos, a nossa instituição não só seja a maior em estrutura e número de alunos, mas sobretudo no que diz respeito a quantidade e oferta de cursos”, pontuou o reitor, frisando que a relação da Fasj com a sociedade, estará cada vez mais presente.

NOVOS CAMPI

Ainda dentro de um processo de gestão bastante centrada, os investimentos em tornar o campus de Juazeiro o mais moderno de todo o Vale e qualificar cada vez mais a estruturação acadêmica, o professor José de Miranda comentou que a expansão, levando campis para outras cidades da região, poderá existir sim, mas numa perspectiva futura.

“Vamos consolidar nossa estruturação aqui para depois dá o passo seguinte, até porque somos uma cadeia de relacionamento que polariza a corrente do bem querer, do bem fazer e do bem sentir, sempre multiplicando valores”, concluiu o reitor José Eduardo de Miranda.

Para saber como ingressar na Faculdade São Francisco de Juazeiro, siga a Fasj nas redes sociais ou ligue: 074 3611-7672.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar