LocalParaíbaPolítica

Voto eletrônico: Autoridades políticas e judiciárias debatem em João Pessoa/PB a segurança no sistema de votação do Brasil

Debate teve apoio Câmara de Vereadores da capital paraibana e foi realizado pelo TRE/PB

Com o apoio da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), capital paraibana, o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) promoveu, nesta sexta-feira (9), um workshop sobre a segurança do processo eletrônico de votação. O evento foi realizado pela Escola Judiciária Eleitoral (EJE-PB) e teve como objetivo difundir informações sobre os sistemas de controle e transparência do processo eleitoral que tornam o voto eletrônico seguro.

“Estamos aqui para levar o conhecimento do trabalho de segurança realizado pela Justiça Eleitoral para a população”, afirmou o presidente do TRE-PB, Carlos Martins Beltrão Filho.

O juiz membro e diretor da EJE-PB, Antônio Carneiro de Paiva Júnior, destacou a importância da disseminação das informações fornecidas no workshop. “Falar de processo eleitoral é falar de segurança, especialmente das urnas. É importante que cada um dos participantes desse evento seja multiplicador dessas informações”, enfatizou. O secretário de tecnologia de informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Giuseppe Dutra Janino, destacou que o Brasil tem a maior eleição informatizada do planeta, com mais de 147 milhões de eleitores, uma média de 500 mil candidatos por eleição, 500 mil urnas e uma base de dados de mais de 100 milhões de eleitores cadastrados por biometria. Ele evidenciou a segurança por trás do processo eleitoral eletrônico.

“Temos a maior eleição informatizada, extremamente segura, evidenciada por 23 anos de utilização da urna eletrônica, onde sequer existe um caso de fraude identificado. A urna dispõe de vários dispositivos de segurança, como a criptografia, as assinaturas digitais, a identificação biométrica do eleitor. O processo eleitoral é baseado em dois pilares: a segurança e a transparência. Isso faz com que nosso sistema eleitoral seja mais confiável”, enfatizou.

Com Parlamento/PB

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar