ColunasNotícias do ParlamentoPolítica

Câmara de Petrolina/PE realiza sessão solene nesta quinta para o Novembro Negro

A iniciativa é da vereadora Cristina Costa

A partir das 9h, a Câmara de Vereadores de Petrolina, sertão pernambucano, realiza o encerramento da Exposição Povos de Terreiros e Capoeira e Vivência Angola em alusão ao Novembro Negro. A sessão solene contará com a presença das comunidades de terreiros; haverá apresentação de cânticos em louvor aos Orixás, cantada pelo babalorixá Flávio Júnior, acompanhado pelos atabaques os ogãs; contará com a apresentação da Capoeira de Vivência Angola da Escola Mãe Vitória Roda de Capoeira; apresentações do curta-metragem EJE, produzido pelos acadêmicos da FASJ (Onde Minha Religião Interfere na Sua?) E a exposição com instrumentos musicais, objetos sagrados usados nos terreiros orixás e painel de fotos de terreiros de Petrolina.

Durante a cerimônia serão entregues três honrarias. A Medalha de Honra ao Mérito Dom Malan ao babalorixá Flávio Júnior, proposto pela vereadora Cristina Costa, idealizadora da homenagem e do evento, ao índio Erasmo de Souza Reis, proposto pelo ex-vereador Ibamar Fernandes, e o Título de Cidadã Petrolinense à atleta Fernanda Yara da Silva, concedido pelo vereador Paulo Valgueiro.

São convidados de honra, a professora doutora em cultura afro, Márcia Guena, Pai Jorge, Emily Oliveira, Viviane da Rede de Mulheres Negras e o vereador de Juazeiro Tiano Félix, propositor do Dia Municipal de Povos de Terreiros em Juazeiro.

EXPOSIÇÃO

A exposição que pode ser vista no Salão Cultural Dr. Alírio Brandão da Câmara de Petrolina, começou na terça (19) e segue até a quinta (21), com o objetivo, segundo Cristina Costa, de manter viva a memória dos petrolinenses sobre a importância cultural dos negros no Brasil.

Neste período várias manifestações culturais e sociais contaram a história de lutas e conquistas das matizes africanas, já que dia 20 se comemora do Dia Nacional da Consciência Negra.

Cristina que há três anos institui, com a aprovação dos colegas da Casa, o Dia Municipal dos Povos de Terreiros em Petrolina comemora a luta pela manutenção da cultura, a resistência e o respeito aos povos negros.

“Eu tenho admiração pelos povos de terreiros, que a cada dia lutam para conquistar seus espaços, exercer sua crença, um Direito Constitucional no Brasil, por ser um país laico. Há três anos nos criamos a Lei nessa Casa que institui o dia 8 de Dezembro, como o Dia Municipal dos Povos de Terreiros, essa não deve ser a bandeira da minoria, é pra ser um direito garantido pelo Estado. Um país miscigenado, de origem tão africana quanto europeia, que deve e que precisa reconhecer suas raízes, sem preconceitos religiosos, sem máscaras, sem cultura do ódio, e com liberdade e democracia como deve ser numa grande nação. Não podemos deixar o pé atolado no retrocesso enquanto usamos a língua para o discurso do desenvolvimento. Que essa Casa, não apenas nesse dia, mas que seja um espelho de tolerância, de democracia”, enfatiza a vereadora agradecendo aos povos de terreiros, aos negros, aos cidadãos de Petrolina, de Pernambuco e do Brasil.

O espaço cultural para exposição da arte milenar tem a finalidade de dispor as matrizes africanas, a importância e sua história. “A exposição é uma oportunidade de mostrar para a população singularidades da cultura de orixás. Destaca a resistência de matizes africanas e nós só ocupamos espaços na sociedade hoje por conta a resistência da nossa ancestralidade. As crenças nos orixás mostra a luta do nosso povo guerreiro”, destaca Tereza Silva, representante da AECAB (Associação Espírita e de Cultos Afro Brasileiros de Petrolina). Ela enfatiza que “as religiões de Matriz africana são exemplos maior da resistência do povo negro.

A exposição pode ser conferida durante todo o dia , das 8h às 19h. A Câmara de Petrolina está localizada na Praça Santos Dumon’t, S/N, Centro, em frente ao Fórum Souza Filho, sede do poder judiciário da cidade.

Redação Portal Tribunna com ASCOM

Por Notícias do Parlamento

redacaotribunadoestado@gmail.com

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar