Cultura e TurismoNegóciosPolítica

Turismo de Petrolina/PE tem aporte de R$ 4 milhões para investimentos em 2019

Entre as obras para aquecer o segmento, destaque para a requalificação que a Prefeitura executa na Orla 1 da cidade, um dos cartões postais de Petrolina.

Ano a ano o turismo de negócios movimenta o trade de Petrolina, compondo cerca de 80% da atividade turística local. Conhecida nacionalmente por ser polo de agronegócios, a cidade ribeirinha também se destaca pelas belezas naturais proporcionadas pelo Velho Chico, além das boas infraestrutura e organização.

Em 2019, a prefeitura fez diversos investimentos no setor de turismo, para proporcionar melhores experiências aos visitantes e, também, atrair um público que venha a passeio. Um exemplo é a obra de requalificação da Orla 1, principal cartão postal da cidade, que está em andamento.

Com o investimento superior a R$ 2 milhões, o projeto inclui a troca do piso por intertravado, ciclovia, sinalização, arborização, instalação de banheiro público e parques infantis. Outro equipamento importante para o turismo é a Oficina do Artesão Mestre Quincas.

O local também está sendo reformado e ampliado, para oferecer melhores condições de trabalho aos artesãos, além ser mais atrativa aos turistas e à população petrolinense. O orçamento previsto para obra é R$ 800 mil.

O centro comercial da cidade também está sendo apreciado com melhorias. O Centro Gastronômico Eraldo Gueiros passa por uma requalificação também. O recurso investido é superior a R$ 680 mil. Os vinte quiosques que estão sendo construídos, vão dar um novo visual ao local.

EVENTOS

Eventos promovidos pela prefeitura também movimentam o trade. Neste ano, o Carnaval de Petrolina, que contou com três polos de entretenimento – Orla, 21 de Setembro e Multicultural -, atraiu cerca de 3.500 turistas e os hotéis da cidade ficaram com 95% de taxa de ocupação.

Já o São João, festa que se destaca em âmbito nacional, trouxe mais de 20 mil turistas, vindos de mais de cem cidades. O evento movimentou R$ 228 milhões e gerou 19 mil empregos diretos e indiretos.

A última grande festa do ano será o Réveillon, que vai contar com shows e queima de fogos na Porta do Rio.

 

 

 

Por Redação

Com ASCOM

redacaotribunadoestado@gmail.com

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar