Política

Defesa Civil Municipal e Codecipe atuam para conter os danos causados pelas fortes chuvas em Lagoa Grande/PE

Cidade recebeu o maior volume de chuva na região nesta quarta, 22, com mais de 150 milímetros, conforme os técnicos da Defesa Civil do município

A cidade de Lagoa Grande, no sertão do São Francisco, foi a que mais sofreu os danos das fortes chuvas que caíram nesta quarta-feira, 22, na região.

Acompanhando tudo de perto, a Defesa Civil do Município se uniu aos técnicos da Comissão de Defesa Civil  do Estado de Pernambuco (Codecipe), enviados pelo governo para ajudar no trabalho das autoridades locais.

Os técnicos estiveram durante todo o dia de ontem, acompanhando os transtornos que a população sofreu com a enxurrada.

Conforme os integrantes da Defesa Civil do município, o volume de chuva em Lagoa Grande ultrapassou os 150 milímetros, sendo o município mais atingido pela chuvarada desta quarta. O volume intenso das precipitações no município, provocou alagamentos em várias ruas e avenidas, atingiu também residências em bairros como Cristo Rei e Estátua, deixando estrago por todo canto.

Segundo o vice-prefeito ítalo Ferreira, que acompanhou de perto desde o começo dos problemas causados pela chuva, o prefeito Vilmar Cappellaro, MDB, está em viagem de trabalho, mas logo nos primeiros minutos do dia, solicitou o apoio do governo estadual para que a Defesa Civil estadual fosse à cidade.

Os técnicos da Codecipe está trabalhando com a Defesa Civil Municipal que tem a coordenação de diversas secretarias do município, a exemplo da Secretaria de Agricultura, de Assistência Social , chefia de gabinete, Secretaria de Governo e de Infraestrutura.

Foi ainda colocado o número 87 9 9995 – 2530 para atender àqueles que necessitarem de ajuda e também informações sobre problemas surgidos após a enxurrada desta quarta na ‘capital da uva e do vinho do Nordeste’.

 

 

 

 

 

 

Por Cinara Marques

Portal Tribunna – da redação

 

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar