LocalPernambuco

A exemplo de outros municípios em PE, Prefeitura de Petrolina lança plataforma para apoiar atividade delivery para os mototaxistas

A categoria estar proibida de prestar o serviço de transporte de passageiros, devido à medidas de restrições por conta da Covid-19.

Na luta para evitar a disseminação do coronavírus, em Pernambuco, muitas medidas restritivas estão sendo tomadas nos âmbitos municipal e estadual. Uma das ações foi a suspensão das atividades dos mototaxistas, através de decreto do Governo Estadual.

Para tentar minimizar os efeitos econômicos durante a pandemia, a Prefeitura de Petrolina lançou, nesta terça-feira (7), uma plataforma de cadastro para incentivar o trabalho destes profissionais na entrega de mercadorias. Outras cidades do estado, a exemplo de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, também anunciou o serviço nesta terça-feira.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Petrolina (sertão do São Francisco), Emicio Junior, o objetivo é facilitar o contato deste profissional com as empresas interessadas nesse serviço.

“Estamos trabalhando para encontrar alternativas para auxiliar a categoria de mototaxistas, como também as empresas que desejam usar o serviço de delivery.”, frisou.

Para se cadastrar, o interessado deve acessar o site: www.petrolina.pe.gov.br.

AUXÍLIO

A gestão municipal também autorizou a prorrogação por 90 dias da taxa de renovação do alvará que legaliza o exercício da profissão, adotou um cronograma diferenciado para o pagamento do ISS de comerciantes e de pequenas empresas, que poderão pagar 50% do valor neste primeiro semestre e o restante apenas em agosto.

A prefeitura também está preparando uma linha de crédito especial através da Agência do Empreendedor Individual (AGE) para os profissionais que não tiverem direito ao auxílio do Governo Federal. (Com Ascom)

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar