Agricultura FamiliarPolíticaTRIBUNNA Rural

Odacy Amorim deixa IPA, entregando reforma de abatedouro de Rajada. Agora, deve cair em campo na pré e campanha a prefeito de Petrolina

Petista, Odacy agora segue para executar as ações de sua pré-campanha e campanha para prefeito da maior cidade do sertão de Pernambuco.

Por Tribunna Rural

 

O presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco, Odacy Amorim, após reformas e diversas adequações reinaugurou nessa quarta-feira (03), o Abatedouro do Distrito de Rajada, em Petrolina, sertão do São Francisco.

O evento foi realizado através de transmissão simultânea pela internet, nas redes sociais do IPA e por aplicativo de videoconferência, obedecendo as recomendações de distanciamento social. Participaram da cerimônia online diretores, gerentes, coordenadores, secretários estaduais e municipais, além de prefeitos de vários municípios do sertão.

A entrega marcou o registro do Serviço de Inspeção Estadual (SIE), concedido pela Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco – Adagro, que permitirá aos produtores petrolinenses e de cidades vizinhas a comercialização da carne em todo o Estado de Pernambuco.

“O abatedouro é uma conquista importante, que irá gerar renda e oportunidade de negócios para a população de Petrolina e toda a região”, disse Odacy Amorim. O abatedouro de Rajada é o único em funcionamento em todo o território municipal, e conta com todos os cuidados sanitários, higiênicos e técnicos.

Requalificação do abatedouro de Rajada era uma das principais ações do governo do estado para incentivar o comércio do rebanho caprino e ovino da região e meta de Odacy como presidente do IPA (Foto -ASCOM)

“O pequeno produtor do nosso semiárido sabe produzir, mas antes existia a dificuldade de comercializar e ter o seu produto valorizado, e essa modernização foi muito importante, pois o abatedouro é uma das principais fontes de desenvolvimento da região”, conta Cândido Roberto Araújo.

O secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto, falou sobre o desenvolvimento que o distrito de Rajada irá receber com o novo equipamento. “Esse equipamento vai servir a todo sertão do São Francisco e tem um papel fundamental no desenvolvimento da região. A partir de hoje, o que for processado no abatedouro poderá ser vendido em todo o estado e futuramente, adequando a legislação, poderá ser vendido para outros estados”.

O diretor presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima, ressaltou o processo de liberação dos trabalhos do abatedouro e o cumprimento de higienização do local, que segue as regras da Vigilância Sanitária. “O certificado foi assinado, e nós confiamos plenamente no trabalho que será realizado no abatedouro. O estabelecimento tem registro estadual, e pode ser feita parceria com as prefeituras para rever fiscais e isso agregar ainda mais valor”, destacou Paulo Roberto.

O prefeito de Afrânio, Rafael Cavalcanti, também participou da live, e destacou a importância do abatedouro para a região de Petrolina. Ele disse ser grato pelo trabalho, porque benefícios alcançam á cidade de Afrânio: “O Abatedouro de Rajada é uma importante marca de Odacy e reconhecemos os esforços nessa luta para melhoramento de um instrumento tão forte para a região”, disse Cavalcanti.

Já a deputada estadual Dulcicleide Amorim, que marcou presença, enfatizou que o abatedouro irá trazer novos horizontes para Petrolina e irá dar novas oportunidades para os criadores. “Rajada hoje está sendo privilegiada de ter uma complementação de instrumento tão importante para o distrito”, disse a deputada. A parlamentar relembrou os muitos percalços para a revitalização do abatedouro, reafirmando que tudo saiu conforme o planejado.

DESINCOMPATIBILIZAÇÃO

O evento marcou a despedida do agora ex-presidente do IPA. Na cerimônia, Odacy também ressaltou a importância das bacias leiteiras de Pernambuco, que vêm sendo reforçada com as politicas públicas do Governo do Estado.

O ex-deputado segue agora para colocar o bloco na rua para a sua pré-campanha e, posteriormente, campanha, a prefeito de Petrolina. (Com Ascom)

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar